Category Archives: estimulantes

12 Plantas Medicinais para a Saúde

Published by:

Manter a saúde conseguindo o bem estar físico e mental pode ser conseguido recorrendo a plantas medicinais.

12 plantas medicinais para melhorar a saúde

Neste artigo apresentamos 12 plantas, alimentos e especiarias com especificidades diferentes no tratamento e prevenção de alguns problemas de saúde.

Alho

Os seus compostos sulfurosos fazem com que combata o colesterol e a hipertensão. É um poderoso anti-bacteriano e útil contra as gripes, constipações e micoses. A melhor forma de conseguir obter os efeitos benéficos consegue-se picando um dente de alho cru, que deve ser ingerido com o resto da refeição.

Mostarda

A mostarda tem um efeito anti-viral e pela acção dos seus componente sulfurosos é aconselhada para problemas gastrointestinais. O seu consumo regular pode auxiliar na erradicação da Helicobacter pylori. Conhecidos efeitos benéficos para as enxaquecas e arterioesclerose.

Canela

A canela também conhecida por cinamono, caneleira da Índia ou pau-de-canela  incrementa a atividade da insulina e por consequência ajuda no combate aos diabetes. É estimulante das secreções digestivas e útil em situações de perda de apetite, indigestão ou enfartamento. Indicada também para diarreias e colites. A forma de tomar mais comum é através do pó adicionado nas sobremesas, leite ou café.

Gengibre

O gengibre ou gingibre tem um sabor picante conferido pelos antioxidantes gigeróis que atenuam fortemente os enjoo e náuseas. Combate as más digestões e intoxicações alimentares. Poderoso auxiliar contras as gripes e constipações. Diminui e controla a hipertensão. Deve ser tomado de preferência fresco, adicionando uma rodela picada a água a ferver.

Hortelã-Pimenta

A hortelã-pimenta (mentha x piperitha l.) tem na sua composição mentol e por isso é indicada para os problemas das vias respiratórias e tosse. Estimula a produção do suco biliar no fígado e consequentemente ajuda a digestão de gorduras e a absorção dos nutrientes dos alimentos no intestino. Tome um chá antes das refeições pesadas e notará o seu efeito imediatamente.

Curcuma

A curcuma também denominada por açafrão da Índia ou terra, gengibre dourado ou amarelo e açafroeira-da-índia é um dos principais constituintes na composição do caril que lhe dá o tom amarelo. Possuí propriedades antimutagénicas que retardam o envelhecimento. Poderoso anti-inflamatório pelo antioxidante curcumina, também útil para problemas hepáticos como hepatite. Combate a arterioesclerose. Pode consultar mais efeitos benéficos da curcuma em: http://www.saudenatural.info/curcuma/

Oregão

O orégão ou orégano tem na sua constituição os antioxidantes fenóis. Os seus constituintes fazem com que seja recomendado para falta de apetite, cólicas e flautulência. Extremamente eficaz em problemas do foro respiratório como tosses e bronquites provocando expectoração.

Pimenta Vermelha

Pimenta vermelha ou vulgarmente conhecida também por malagueta, piri-piri, gindungo ou cápsico é famosa pelo picante provocado nas papilas gustativas a partir do dos seus constituintes capsinóides. Entre os seus benefícios mais importantes contam-se o emagrecimento pelo aumento do metabolismo, estimulação sexual, aumento dos sucos gástricos e consequente auxilio da digestão. Externamente como tópico com efeito analgésico nos espasmos musculares e inflamações de articulações.

Rosmaninho

O rosmaninho (rosmarinus officinalis) cujo nome também pode ser alecrim têm um efeito estimulante na circulação e sistema nervoso pela presença da cânfora. Pode ser administrado em forma de chá a partir das suas folhas, por gotas do óleo essencial ou por suplemento de folhas secas em cápsula. Por via externa usado como tópico pode ser aplicado em forma de óleo com uma concentração a 3% contra o reumatismo, mialgia e nevralgia. Quando aplicado no couro cabeludo ativa a circulação favorecendo um crescimento mais rápido e uma diminuição da queda de cabelo.

Cominhos

O cominho ou cuminho tem uma forte acção digestiva. As suas sementes tem um efeito antiglicemico muito importante na prevenção e auxilio nos diabetes. Entre outras propriedades destaca-se ainda o seu poder antimicrobiano.

Manjericão

O manjericão, alfavaca ou basílico é indicado para a enxaqueca, digestão difícil e como diurético. Para aplicação externa é muito eficaz contra as dores musculares e reumáticas.

Pimenta Preta

A pimenta-preta também conhecida por pimenta-do-reino tem como seu constituinte a piperina que é um coadjuvante na absorção dos nutrientes dos alimentos. Isto quer dizer que ao adicionar esta especiaria na confecção dos pratos, o organismo vai tirar melhor proveito das vitaminas, sais minerais e proteínas.
Evidencia igualmente efeitos muito benéficos contra as infecções urinárias e cistites.

De uma forma simples e de baixo custo pode incluir estas ervas comuns e com forte poder medicinal no dia a dia para se manter saudável.

Estimulantes e Tónicos de Energia

Published by:

Muitas pessoas têm falta de energia para superar os obstáculos diários, algumas sofrem de fadiga crónica, mesmo depois de acordar sentem-se cansadas e extenuadas. Neste artigo apresentamos alguns suplementos à base de ervas naturais que são estimulantes e tónicos de energia, conferindo ao organismo força de longa duração, ao contrário de outro tipo de bebidas como o café ou refrigerantes energéticos que mascaram o problema com picos de potência instantânea e de curta duração e que a longo prazo agravam o problema.
Estimulantes naturais à base de ervas

Chá Verde (Camellia Sinensis)

O chá verde ou da Índia é das plantas mais referenciadas nos nossos artigos pelas suas elevadas propriedades, neste caso aconselha-se igualmente como estimulante do sistema nervoso. Algumas variedades tipo Sencha têm grande concentração de cafeína (teína) o que pode causar contra-indicações como ansiedade ou problema estomacal em pessoas mais sensíveis. Neste caso opte por variedades com menos teína como por exemplo as versões gunpowder de origem chinesa. Se tomar em forma de infusão, o aumento do tempo de preparação aumenta os taninos que bloqueiam a absorção da teína.

Guaraná (Paullinia Cupana)

Planta trepadora com origem no Brasil e Uruguai em que se utilizam as suas sementes como estimulante, mas cujas propriedades vão muito mais além. Usado contra o cansaço físico e psíquico são ainda atribuídas propriedades afrodisíacas e anti-depressivas.
Tomar em pó até 2 gramas diárias pela manhã, infusão de 2 chávenas por dia ou extrato liquido conforme indicações. O seu uso não deve exceder 2-3 semanas pois pode provocar habituação.
Erva Mate (Ilex Paraguariensis)
Também conhecido por chá-das-missões, congonha, chá-do-paraguai ou chá mate. É um arbusto espontâneo da região Amazónica,  muito poderoso pois contem cerca de 15 aminoácidos, 20 vitaminas e sais minerais, 10 polifenois e antioxidantes.  Indicado para fraqueza física e mental, muito útil também para insuficiências cardíacas ligeiras. Não deve ser tomado por longos períodos pois pode causar habituação.
Tomar em forma de infusão 2/3 vezes por dia, em pó por cápsulas ou comprimidos até 3 gramas.
Ginseng Coreano (Panax Ginseng)
O Ginseng Coreano é um adaptogénico, isto é, fortalece o organismo aumentando a sua resistência, através do suporte ao eixo córtex-adrenal induzindo o aumento das células normais vitais para produção de energia  e resistência ao stress como tivemos oportunidade de analisar nas plantas para aumentar o sistema imunitário em http://www.saudenatural.info/plantas-para-aumentar-sistema-imunitario/.
Deve ser tomado em pó através de cápsulas de 200mg de manhã, extrato liquido em ampolas ou gotas.
Erva-Moura (Withania Somnifera)
Uma das plantas mais importantes da medicina Ayurvedica, também denominada Ginseng Indiano, é também um adaptogénico. Diminui o stress, reduz a ansiedade, fadiga e depressão. Ajuda a ter noites descansadas e revigorantes para poder usufruir dos dias em plenitude. Não se conhecem contra-indicações e toma-se em forma de pó das raízes por cápsulas de 500mg, 3 vezes por dia, ou uma chávena de chá das suas folhas.
Alguns alimentos podem também ajudar na estimulação energética como as bagas de goji, o cacau ou as especiarias noz moscada e açafrão.